LABACE 2015

A LABACE (Latin American Business Aviation Conference & Exhibition) é a principal feira de aviação executiva da América Latina e a segunda maior do mundo. O show reúne as mais consagradas empresas e fabricantes de aviões deste mercado. A feira já é parte importante do calendário de eventos das principais empresas da aviação executiva mundial, o que reflete o seu sucesso crescente e valor para os negócios. O evento tem lugar em São Paulo, Brasil, uma das cidades mais cosmopolitas do mundo. Graças a LABACE, muitos potenciais compradores e clientes podem vir a um único local para ver e comparar diversos produtos e escolher o que melhor se adapta as suas necessidades. A feira sem dúvidas é certamente um lugar para desenvolver um network qualificado, interagindo com clientes, pilotos, imprensa especializada e autoridades latino-americanas da Aviação Geral.

Este ano, os principais destaques da LABACE 2015 foram as seguintes aeronaves: ATR-72, Cessna Citation Latitude, Cessna Citation CJ3+, Embraer Legacy 450, Gulfstream G650ER, HondaJet e o TBM900.

Bell Helicopter reforça sua liderança na LABACE 2015 com apresentação de suas aeronaves

Bell Helicopter é uma fabricante de helicópteros norte-americana sediada em Fort Worth, Texas. Sendo uma divisão da Textron, a Bell fabrica helicópteros e produtos militares em torno de Fort Worth, bem como em Amarillo, Texas, e produtos de helicópteros comerciais em Mirabel, Québec, no Canadá. A empresa também presta serviços de treinamento e surporte em todo o mundo.

Este ano, a fabricante trouxe para a LABACE 2015 as seguintes aeronaves:

  • Bell 429WLG
  • Bell 505 Jet Ranger X (mock-up completo)
  • Bell 407GX

Bell 429WLG

tam-aviacao-executiva-bell-helicopter-429-wlg-labace-2015-sao-paulo-brazil-congonhas-airport-copyrighted-to-aviation-news-net-do-not-use-for-any-purpose

O helicóptero biturbina mais avançado do mundo incorporou em sua mais recente versão o trem de pouso retrátil, atendendo assim a um segmento de mercado que considera as rodas um equipamento imprescindível em suas operações. Apresentando velocidade e alcance excepcionais, uma alta performance de voo pairado e maior margem de segurança, o Bell 429WLG é o primeiro helicóptero do mundo a ser certificado para WAAS (sistema de aproximação de pouso vertical em piloto automático). O modelo também possui a maior cabine da categoria, com uma capacidade para até seis pessoas e dois pilotos, ou sete passageiros e um piloto, sendo todos os assentos anticrash.

Contando também com uma moderna plataforma de aviônicos Full Glass Cockpit, com telas digitais de LCD de última geração já na sua versão standard, os mais modernos painéis da atualidade, com piloto automático de quatro eixos (opcional) e homologação para single pilot IFR.

Recentemente, o Bell 429WLG recebeu certificação da ANAC para operar com peso máximo de decolagem (MTOW) de 7.500 Ib (3.402 kg), o que o destaca entre as aeronaves da mesma categoria, que são limitadas a 7.000 lbs (3.175 kg).

Bell 505 Jet Ranger X (mock-up completo)

tam-aviacao-executiva-bell-helicopter-505-Jet-Ranger-X-complete-mock-up-labace-2015-sao-paulo-brazil-congonhas-airport-copyrighted-to-aviation-news-net-do-not-use-for-any-purpose

Pela primeira vez no Brasil será apresentado o mock-up completo do Bell 505 Jet Ranger X. Lançado no ano passado, o modelo combina novo design, velocidade, tecnologia, alcance e carga útil, resultando em uma excepcional performance na categoria monoturbina leve, aliado a um baixo custo operacional.

Apresentando aviônicos Garmin G1000H totalmente integrados com duas telas de LCD de 10,4 polegadas, a aeronaves também conta com Motor Turbomeca Arrius 2R com sistema FADEC (com duplo canal), HTAWS (sistema de alerta de terreno), cartas aeronáuticas digitais, visão sintética e sistema “Parthway in the Sky” opcionais.

Versatilidade é um dos conceitos da cabine, que tem capacidade para até cinco pessoas e foi projetada com assentos anticrash, que podem ser facilmente removidos ou dobrados. Além disso, o Bell 505 Jet Ranger X tem o piso totalmente plano, portas largas, facilitando assim o acesso de passageiros e cargas e também é mais silencioso que as limitações de ruído do Estágio 3 ICAD, com um design moderno, oferece aos passageiros uma melhor visibilidade.

Até o momento, foram realizadas mais de 200 horas de voos em dois protótipos de helicóptero para teste. A certificação está prevista para o primeiro semestre de 2016.

Bell 407GX

tam-aviacao-executiva-bell-helicopter-407-gx-labace-2015-sao-paulo-brazil-congonhas-airport-copyrighted-to-aviation-news-net-do-not-use-for-any-purpose

Sendo o primeiro helicóptero monoturbina do mundo a possuir um painel digital com as mesmas características daqueles disponíveis em jatos de grande porte, a aeronave conta com aviônicos Garmin G1000G com duas telas de LCD de 10.4 polegadas de alta resolução, que combinam instrumentos de voo, navegação e turbina. Além disso, o painel oferece ao piloto uma visão real do terreno (Synthetic Vision Technology), que permite operar um sistema digital de representação de rotas (Pathway in the Sky), ouvir alertas de colisão e armazenar os dados de rota, turbina e desempenho em um cartão de memória.

Ainda possuindo o coletivo acoplado com a manete de potência, a excelente capacidade de manobra e baixa nível de vibração e ruído são graças ao seu rotor, que tem as pás feitas em material composto. Um outro diferencial é a sua capacidade de carga útil, possuindo a capacidade de decolar com número total de passageiros (seis pessoas e um piloto), com carga total de bagagens e combustível.

Helibras exibe suas principais aeronaves na LABACE 2015

Cortesia: Helibras.

Cortesia: Helibras.

Fundada em 1978, a Helibras é uma empresa brasileira que fabrica helicópteros. Ela é subsidiária da Airbus Helicopters, uma empresa controlada pelo Airbus Group.

Este ano, a fabricante de helicópteros levou para a LABACE 2015, dois modelos, o H130 e o H125.

Airbus Helicopters H130

O H130 é um helicóptero monomotor leve adapatado para transporte de passageiros, transporte aéreo médico, aplicações e missões de vigilância. O H130 tem uma cabine espaçosa para um piloto e até sete passageiros, dependendo da configuração.

A Airbus Helicopters tem melhorado as cpacidades do EC130 em sua versão H130 por equipar a aeronave com um motor Turbomeca Arriel 2D, que oferece 10% a mais de potência e menor consumo de combustível. Isto se traduz em um maior peso para decolagem e velocidade.

Airbus Helicopters H125

O H125 é um helicóptero da robusta Família Esquilo da Airbus Helicopters. Cerca de 5.000 aeronaves monomotores foram entregues em mais de 100 países para cerca de 1.600 operadores.

Juntas, essas aeronaves já acumularam mais de 23 milhões de horas voadas. Cerca de 500 H125 (AS350 B3e) estão em atividade em todo o mundo, e são utilizados principalmente para missões de alto desempenho em condições de altas altitudes e temperaturas elevedas.

AgustaWestland marca presença na LABACE 2015

agusta-westland-a109-labace-2015-sao-paulo-congonhas-airport-brazil-copyrighted-to-aviation-news-net-do-not-use-for-any-purpose.jpg

AgustaWestland é uma empresa Anglo-Italiana produtora de helicópteros. Foi formada no ano 2000, quando a Finmeccanica e a GKN plc concordaram em juntar suas respectivas subsidiárias montadoras de helicópteros. A AgustaWestland é subsidiária da Finmeccanica, da Itália.

A empresa marcou presença na LABACE 2015 com a apresentação do modelo AW109.

AgustaWestland AW109

 O AgustaWestland AW109 é um helicóptero multiuso bimotor leve, de oito lugares fabricado pela AgustaWestland. Desenvolvido como A109 Agusta, o helicóptero entrou em serviço em 1976 e desde então tem sido utilizado em vários tipos de missões, incluindo transporte leve, evacuação médica, busca e salvamento e funções militares. O AW109 está em pordução contínua a mais de 40 anos. O AgustaWestland AW119 é um derivado do AW109, a principal diferença é que ele está equipado apenas por um único motor.

JP Martins Aviação apresenta o Piper Matrix durante a LABACE 2015

Desde 1965 a JP Martins Aviação dedica-se as atividades aeronáuticas, desde a venda de aeronaves novas e usadas até manutenção e venda de peças. Em 50 anos de história, a empresa consagrou-se como o principal distribuidor da Piper Aircraft Inc.

Este ano, a empresa trouxe para a LABACE 2015 o Piper Matrix.

Piper Matrix

O Piper Matrix apresenta o perfeito passo a partir de qualquer aeronave de quatro lugares. Com uma atraente porta de entrada e o maior volume de cabine de sua classe, a aeronave projeta sofisticação. Uma vez que esteja no ar, o motor duplo de 350 HP continua a acelerar o voo, produzindo números altos de desempenho para satisfazer a missão de todos os pilotos.

O Matrix voa a uma velocidade de 352 Km/h e possui um alcance de 2.491 Km com ainda 45 minutos de reserva.  Considerando a altitude (1.500 pés) e temperatura (25ºC) médias no Brasil, o Matrix com peso máximo, 20º flap, a distância normal de decolagem é de 396 metros e sobre obstáculo de 50 pés é de 701 metros.

Especificações Técnicas:

Alcance 2.491 quilômetros
Motor Lycoming TIO-540-AE2A
Peso máximo para decolagem 1,969 quilos
Teto máximo 25.000 pés
Velocidade de cruzeiro 213 nós

Honda Aircraft Company realiza a estreia do HondaJet na LABACE 2015

A Honda Aircraft Comapany é uma subsidiária da Honda Motor Company que desenvolveu o protótipo do HondaJet. A empresa foi formada como uma entidade separada em agosto de 2006 sob a liderança do Presidente e CEO, Michimasa Fujino.

Este ano, a empresa juntamente com a Líder Aviação Executiva realizaram durante a LABACE 2015 a estreia do HondaJet.

HondaJet HA-420

Sendo o HondaJet HA-420 o jato mais leve e avançado do mundo. Apresentando as melhores vantagens de desempenho, conforto, qualidade e eficiência. A aeronave é a mais rápida, que alcança maiores altitudes, a mais silenciosa e a mais econômica de sua categoria.

O curioso design de montagem das turbinas na verdade incorpora muitas inovações tecnológicas no design aeronáutico, ela inclui a configuração OTWEM (Over-The-Wing Engine Mount), a qual melhora consideravelmente o desempenho e a economia de combustível, reduzindo assim o arrasto dinâmico. A OTWEM também reduz o ruído na cabine, minimizando o ruído detectado em solo, e permitindo assim uma cabine mais espaçosa da categoria, maior capacidade para bagagem e um lavatório privativo totalmente equipado.

A aeronave é movida por dois motores altamente econômicos, o GE Honda HF120. Além disso, ela é equipada com o mais sofisticado painel de voo digital disponível em qualquer jato executivo leve, o Honda Garmin G3000 personalizado de última geração e um sistema de aviônicos totalmente digital, composto por três monitores de 14 polegadas em formato paisagem e controladores de tela de toque duplo.

O HondaJet é a primeira aeronave comercial da Honda e faz jus à reputação da empresa por seu desempenho superior, eficiência, qualidade e valor agregado.

Especificações Técnicas:

Alcance 2.185 quilômetros
Altura 4.54 metros
Altura da cabine 1.46 metros
Capacidade Máxima Até 7 pessoas
Comprimento 12.99 metros
Comprimento da cabine 5.43 metros
Motor GE Honda HF120 (x2)
Peso máximo para decolagem 4.173 quilos
Teto máximo 43.000 pés
Velocidade de cruzeiro 420 nós
Wingspan 12.12 metros

Bombardier se destaca na LABACE 2015 com a apresentação de suas principais aeronaves

Cortesia: Bombardier.

Cortesia: Bombardier.

A Bombardier é uma corporação de um grupo de empresas do Canadá. A empresa é sediada em Montreal, Quebec. Ela atua no ramo de produção de vagões ferroviários, aviões regionais e executivos.

Annie Cossette - Diretora de Marketing e Relações Públicas de Aviões Executivos da Bombardier

Annie Cossette- Diretora de Marketing e Relações Públicas de Aviões Executivos da Bombardier

Para Annie Cossette, Diretora de Marketing e Relações Públicas de Aviões Executivos da Bombardier, “a LABACE é sempre um evento muito bom e uma oportunidade para nós virmos e apresentarmos nossos produtos e atender futuros clientes, mas também atender o cliente que atualmente temos aqui no Brasil e continuar a discussão com os clientes que estão negociando atualmente conosco, por isso estamos sempre muito feliz de virmos aqui. Mesmo atualmente como sabemos que existem alguns desafios econômicos aqui no Brasil, mas há ainda muita atividade aqui neste mercado, por isso temos muitos clientes interessados em nossos produtos e estamos tendo uma discussão com um número de clientes. O Brasil é sempre um mercado chave para nós na América Latina, Brasil e México são dois países importantes para nós na América Latina, é um mercado muito maduro, com uma longa história na aviação.”

Durante a LABACE 2015, a Bombardier apresentou três aeronaves:

  • Learjet 75
  • Challenger 350
  • Global 6000

Learjet 75

O Learjet 75 cria uma excelente experiência de voo, combinando conforto com tecnologia de ponta e capacidades de conexão em toda a cockpit e cabine. A aeronave voa mais rápido e mais longe, com todos os passageiros e capacidade de combustível no máximo do que o seu concorrente mais próximo. A cabine comporta de seis a oito pessoas e apresenta a melhor facilidade de mobilidade, espaço para as pernas e altura.

Voando em altitudes mais elevadas, acima do tráfego e mau tempo, a aeronave permite alcançar destinos mais rápido e eficientemente. Certificada para operar em até 51 mil pés, o Learjet 75 tem um alcance de 3.778 quilômetros, e pode voar 370 quilômetros a mais com oito passageiros e tranque de combustível completo do que seus mais próximos competidores. Além disso, o avião possui freios de carbono superiores que permitem o acesso a pistas mais curtas.

A cabine conta com o mais avançado e melhor sistema de gerenciamento de cabine, com monitores de alta definição, alto-falantes laterais integrados e seis monitores touch-screen. O resultado é o melhor e mais amplo entretenimento e experiência de conectividade de sua categoria.

O flight deck Vision da Bombardier conta com três monitores widescreen e tecnologias touch-screen de comando, que proporcionam uma situação superior e reduz a carga de trabalho do piloto. Uma suíte de aviônicos mais avançada, equipada com tecnologia avançada como a Visão Sintética cria uma nova experiência da cockpit e proporciona ao piloto mais conforto e controle.

Especificações Técnicas:

Alcance

3.778 quilômetros

Altura 4.30 metros
Altura da cabine 1.50 metros
Capacidade Máxima Até 11 pessoas
Comprimento 17.70 metros
Comprimento da cabine 6.04 metros
Motor Honeywell TFE731-40BR (x2)
Peso máximo para decolagem 9.752 quilos

Challenger 350

Derivado do Challenger 300, a aeronave define um novo padrão de desempenho em sua classe. O Challenger 350 possui um alcance de 5.926 quilômetros, sendo capaz de decolar com a capacidade máxima de passageiros e combustível. Não só apresentando as últimas novidades de tecnologia aviônica, a aeronave também oferece a cabine mais avançada do segmento, maximizando o aproveitamento da luz natural e redefinindo a interface entre o passageiro e o avião. Com as pontas das asas inclinadas, em combinação com um motor de maior empuxo e eficiência, proporciona à aeronave um melhor desempenho, e custos operacionais mais baixos que de seus concorrentes.

Com seus novos recém derivados motores oferecendo maior potência e menos emissões, o Challenger 350 agora tem o tempo de subida mais rápido da aviação executiva. Além disso, o avião é capaz de subir diretamente para a altitude de 43 mil pés, economizando combustível e evitando o tráfego e mau tempo.

A aeronave também apresenta uma performance capaz de operar em pistas curtas. O Challenger 350 leva os executivos mais rápido e mais perto do seu destino, garantindo um acesso fácil às mais desafiadoras pistas.

Oferecendo a melhor tecnologia disponível na aviação executiva, o flight deck desta aeronave é extremamente versátil. As tecnologias selecionadas para esta aeronave combinam o suporte que o Challenger 350 promete para os pilotos e seus passageiros. Assim, a experiência nesta aeronave supera todas as expectativas.

Especificações Técnicas:

Alcance 5.926 quilômetros
Altura 6.10 metros
Altura da cabine 1.85 metros
Capacidade Máxima Até 11 pessoas
Comprimento 20.90 metros
Comprimento da cabine 7.68 metros
Motor Honeywell HTF7350 (x2)
Peso máximo para decolagem 18.416 quilos
Teto máximo 45.000 pés
Velocidade de cruzeiro 470 nós
Wingspan 21.00 metros

Global 6000

Sendo um jato de ultralongo alcance intercontinental, o Global 6000 conhecido anteriormente como Global XRS Express possui a maior cabine da categoria, oferecendo mais espaço do que o seu concorrente mais próximo.

Apresentando um nível sem precedentes de controle e conforto aos pilotos, nenhuma outra aeronave do segmento tem a mesma capacidade de alta velocidade. Oferecendo o máximo em conforto, pode ligar Porto Alegre a Roma sem escalas, com oito passageiros e com quatro tripulantes, percorrendo um total de até 6.000 milhas náuticas (11.112 km).

O Global 6000 oferece a potência para decolar dos mais desafiadores aeródromos e a performance para chegar ao seu destino antes do previsto. A largura da cabine desta aeronave proporciona um projeto de três zonas totalmente flexível, um foco único e exclusivo nos detalhes do comprimento do assento. Além disso, o Global 6000 possui uma cabine otimizada no que diz a respeito da humidade, um ambiente incomparavelmente tranquilo durante o voo. Espaçoso e luxuoso, sua cabine é mais confortável que os melhores hotéis do mundo.

A cockpit do Global 6000 apresenta a melhor experiência de voo na indústria, e está equipada com tecnologias que os concorrentes só oferecem como um opcional. O avião é para pilotos e passageiros uma visão do futuro, com produtividade e comunicação de ponta.

Especificações Técnicas:

Alcance 11.112 quilômetros
Altura 7.80 metros
Altura da cabine 1.88 metros
Capacidade Máxima  Até 15 pessoas
Comprimento 30.30 metros
Comprimento da cabine 13.18 metros
Motor Rolls-Royce Deutschland BR710A2-20 (x2)
Peso máximo para decolagem 45.132 quilos
Teto máximo 51.000 pés
Velocidade de cruzeiro 504 nós
Wingspan 28.07 metros