Bell Helicopter reforça sua liderança na LABACE 2015 com apresentação de suas aeronaves

Bell Helicopter é uma fabricante de helicópteros norte-americana sediada em Fort Worth, Texas. Sendo uma divisão da Textron, a Bell fabrica helicópteros e produtos militares em torno de Fort Worth, bem como em Amarillo, Texas, e produtos de helicópteros comerciais em Mirabel, Québec, no Canadá. A empresa também presta serviços de treinamento e surporte em todo o mundo.

Este ano, a fabricante trouxe para a LABACE 2015 as seguintes aeronaves:

  • Bell 429WLG
  • Bell 505 Jet Ranger X (mock-up completo)
  • Bell 407GX

Bell 429WLG

tam-aviacao-executiva-bell-helicopter-429-wlg-labace-2015-sao-paulo-brazil-congonhas-airport-copyrighted-to-aviation-news-net-do-not-use-for-any-purpose

O helicóptero biturbina mais avançado do mundo incorporou em sua mais recente versão o trem de pouso retrátil, atendendo assim a um segmento de mercado que considera as rodas um equipamento imprescindível em suas operações. Apresentando velocidade e alcance excepcionais, uma alta performance de voo pairado e maior margem de segurança, o Bell 429WLG é o primeiro helicóptero do mundo a ser certificado para WAAS (sistema de aproximação de pouso vertical em piloto automático). O modelo também possui a maior cabine da categoria, com uma capacidade para até seis pessoas e dois pilotos, ou sete passageiros e um piloto, sendo todos os assentos anticrash.

Contando também com uma moderna plataforma de aviônicos Full Glass Cockpit, com telas digitais de LCD de última geração já na sua versão standard, os mais modernos painéis da atualidade, com piloto automático de quatro eixos (opcional) e homologação para single pilot IFR.

Recentemente, o Bell 429WLG recebeu certificação da ANAC para operar com peso máximo de decolagem (MTOW) de 7.500 Ib (3.402 kg), o que o destaca entre as aeronaves da mesma categoria, que são limitadas a 7.000 lbs (3.175 kg).

Bell 505 Jet Ranger X (mock-up completo)

tam-aviacao-executiva-bell-helicopter-505-Jet-Ranger-X-complete-mock-up-labace-2015-sao-paulo-brazil-congonhas-airport-copyrighted-to-aviation-news-net-do-not-use-for-any-purpose

Pela primeira vez no Brasil será apresentado o mock-up completo do Bell 505 Jet Ranger X. Lançado no ano passado, o modelo combina novo design, velocidade, tecnologia, alcance e carga útil, resultando em uma excepcional performance na categoria monoturbina leve, aliado a um baixo custo operacional.

Apresentando aviônicos Garmin G1000H totalmente integrados com duas telas de LCD de 10,4 polegadas, a aeronaves também conta com Motor Turbomeca Arrius 2R com sistema FADEC (com duplo canal), HTAWS (sistema de alerta de terreno), cartas aeronáuticas digitais, visão sintética e sistema “Parthway in the Sky” opcionais.

Versatilidade é um dos conceitos da cabine, que tem capacidade para até cinco pessoas e foi projetada com assentos anticrash, que podem ser facilmente removidos ou dobrados. Além disso, o Bell 505 Jet Ranger X tem o piso totalmente plano, portas largas, facilitando assim o acesso de passageiros e cargas e também é mais silencioso que as limitações de ruído do Estágio 3 ICAD, com um design moderno, oferece aos passageiros uma melhor visibilidade.

Até o momento, foram realizadas mais de 200 horas de voos em dois protótipos de helicóptero para teste. A certificação está prevista para o primeiro semestre de 2016.

Bell 407GX

tam-aviacao-executiva-bell-helicopter-407-gx-labace-2015-sao-paulo-brazil-congonhas-airport-copyrighted-to-aviation-news-net-do-not-use-for-any-purpose

Sendo o primeiro helicóptero monoturbina do mundo a possuir um painel digital com as mesmas características daqueles disponíveis em jatos de grande porte, a aeronave conta com aviônicos Garmin G1000G com duas telas de LCD de 10.4 polegadas de alta resolução, que combinam instrumentos de voo, navegação e turbina. Além disso, o painel oferece ao piloto uma visão real do terreno (Synthetic Vision Technology), que permite operar um sistema digital de representação de rotas (Pathway in the Sky), ouvir alertas de colisão e armazenar os dados de rota, turbina e desempenho em um cartão de memória.

Ainda possuindo o coletivo acoplado com a manete de potência, a excelente capacidade de manobra e baixa nível de vibração e ruído são graças ao seu rotor, que tem as pás feitas em material composto. Um outro diferencial é a sua capacidade de carga útil, possuindo a capacidade de decolar com número total de passageiros (seis pessoas e um piloto), com carga total de bagagens e combustível.

Leave a Reply