Boeing lança o 777X e bate recorde em encomendas

“Versão em Português / The English version is after the Portuguese version.”

Boeing 777-9X Artwork

A Boeing lançou hoje o programa 777X no Dubai Airshow 2013 com um número recorde de pedidos e compromissos de clientes para o mais novo membro de sua família de produtos de corredor duplo. Acordos para 259 aviões de quatro clientes em toda a Europa e no Oriente Médio fornecem uma base sólida para apoiar o desenvolvimento e produção do avião.

Representando o maior lançamento de um produto na história do jato comercial na moeda americana, as encomendas e compromissos do 777X incluem Lufthansa com 34 aviões, Etihad Airways, com 25; Qatar Airways com 50 e Emirates, com 150 aviões. O valor total dos contratos são maiores que 95 bilhões de dólares a preços de tabela.

O 777X se baseia no líder de mercado preferido pelos passageiros, o 777, que hoje comanda 55 por cento da quota de mercado em sua categoria em termos de backlog, e 71 por cento da frota em serviço em todo o mundo. A família 777X inclui o 777-8X e 777-9X, ambos concebidos para responder às necessidades do mercado e as preferências dos clientes.

Boeing 777-8X & 777-9X Artwork

A aeronave será construída sobre a confiabilidade do 777 de hoje, bem como irá oferecer mais cobertura de mercado e capacidade de rendimento que supera a concorrência. O 777-8X concorre diretamente com o A350-1000, enquanto o 777-9X está em uma classe por si só.

Novas oportunidades de crescimento aparecerão para as companhias aéreas , o 777-9X oferece capacidade para mais de 400 passageiros, dependendo das opções de configuração de uma companhia aérea. Com um alcance de mais de 8,200 milhas náuticas (15,185 km) , o avião terá o menor custo operacional por assento do que qualquer avião comercial.

O segundo membro da família , o 777-8X, será o avião mais flexível do mundo. A aeronave terá capacidade para 350 passageiros e oferecerá um incrível alcance  de mais de 9,300 milhas náuticas (17,220 km). Além disso, o avião terá uma capacidade de decolagem e carga incomparável com a concorrência.

Boeing 777-9X Artwork

O 777X apresenta as mais recentes tecnologias em vários locais, incluindo o motor comercial mais avançado de sempre – o GE9X produzido pela GE Aviation (clique aqui para ver o vídeo) – e uma nova asa compósita altamente eficiente que possui uma maior extensão do que a dos 777 atuais. Melhorias no formato aerodinâmico da aeronave irá resultar em uma maior eficiência, significativa econômia de combustível e compatibilidade completa com o portão do aeroporto.

Igual ao 787 Dreamliner, que foi lançado como 7E7 , o 777X será formalmente nomeado em uma data posterior. O projeto do 777X está em andamento e fornecedores serão nomeados nos próximos meses. A produção está marcada para começar em 2017, com a primeira entrega para 2020.

Clique aqui para visitar o site oficial do Boeing 777X.

Clique aqui para visitar a galeria da aeronave.

Clique aqui para visitar o site oficial da turbina GE9X.

Fonte: Assessoria de Imprensa da Boeing.

Créditos pelas imagens: Boeing.

Créditos pelos vídeos: Boeing e GE Aviation.

________________________________________________________________

Boeing Launches 777X with Record-Breaking Orders and Commitments

Boeing 777-9X Artwork

Boeing today launched the 777X program at the 2013 Dubai Airshow with a record-breaking number of customer orders and commitments for the newest member of its twin-aisle product family. Agreements for 259 airplanes from four customers across Europe and the Middle East provide a strong foundation to support development and production of the airplane.

Representing the largest product launch in commercial jetliner history by dollar value, 777X orders and commitments include Lufthansa with 34 airplanes; Etihad Airways with 25; Qatar Airways with 50 and Emirates with 150 airplanes. The combined value of the agreements is more than $95 billion at list prices.

The 777X builds on the passenger-preferred and market-leading 777, which today commands 55 percent of market share in its category in terms of backlog, and 71 percent of the in-service fleet worldwide. The 777X family includes the 777-8X and the 777-9X, both designed to respond to market needs and customer preferences.

Boeing 777-8X & 777-9X Artwork

The 777X builds on the best-in-class dispatch reliability from today’s 777, as well as offering more market coverage and revenue capability that surpasses the competition. The 777-8X competes directly with the A350-1000, while the 777-9X is in a class by itself.

Opening new growth opportunities for airlines, the 777-9X offers seating for more than 400 passengers, depending on an airline’s configuration choices. With a range of more than 8,200 nautical miles (15,185 km), the airplane will have the lowest operating cost per seat of any commercial airplane.

The second member of the family, the 777-8X, will be the most flexible jet in the world. The airplane will seat 350 passengers and offer an incredible range capability of more than 9,300 nautical miles (17,220 km). In addition, the airplane will have unmatched takeoff and payload capability compared to the competition.

Boeing 777-9X Artwork

The 777X introduces the latest technologies in multiple places, including the most advanced commercial engine ever – the GE9X by GE Aviation (click here to watch the video) – and an all-new high-efficiency composite wing that has a longer span than today’s 777. The airplane’s folding, raked wingtip and optimized span deliver greater efficiency, significant fuel savings and complete airport gate compatibility.

Like the 787 Dreamliner which was launched as the 7E7, the 777X will be formally named at a later date. Design of the 777X is underway and suppliers will be named in the coming months. Production is set to begin in 2017, with first delivery targeted for 2020.

Click here to visit the Boeing 777X’s official website.

Click here to visit the aircraft’s galerie.

Click here to visit the GE9X engine’s official website.

Source: Boeing press office.

Credits to the images: Boeing.

Credits to the videos: Boeing and GE Aviation.

Leave a Reply